Videolaringoscopia rígida

Utilizada para examinar “por dentro da garganta” permite avaliar a base da língua, toda região da supraglote, glote e parte da subglote. Permite detectar alterações nas pregas vocais que causam disfonia (rouquidão) como pólipos, papilomas, cistos, nódulos, fendas, edema de Reinke, lesões tumorais.

Algumas vezes é necessário complementar este exame com a estroboscopia. É um exame solicitado por muitos cirurgiões antes da realização de cirurgias de tireóide (tireoidectomia) para que a mobilidade das pregas vocais seja avaliada, uma vez que durante a cirurgia da tireóide os nervos laríngeos têm risco de ser comprometidos.

O exame é realizado com o paciente sentado, acordado, solicitando que pronuncie as vogais “i” e “e” durante a avaliação. Pode ser necessário uso de spray anestésico para inibir o reflexo de náusea. Não é necessário jejum prolongado, recomenda-se apenas não ingerir grandes quantidades de alimentos 1 a 2 horas antes.

A habilidade e segurança transmitidas pelo médico são essenciais para a avaliação correta de todas as estruturas sem que o paciente sinta-se incomodado.

Outros exames oferecidos no consultório: - audiometria tonal e vocal - imitanciometria - audiometria comportamental - audiometria de altas frequências - avalização do processamento auditivo central